domingo, 10 de maio de 2009

Button fatura mais uma vitória

Como eu havia mencionado anteriormente, seria muito difícil alguém tirar a vitória de Jenson Button no Grande Prêmio da Epanha e foi justamente isso que aconteceu. Em uma corrida pouco movimentada (sem contar o acidente no início envolvendo quatro carros) o inglês perdeu a ponta logo na largada para seu companheiro de equipe, mas ao optar por uma estratégia com duas paradas conseguiu voltar para o primeiro posto, de onde não saiu até cruzar a linha de chegada. Esta foi a quarta vitória de Button em cinco corridas, disparando assim na ponta do campeonato. Não tem o que discutir, Jenson é líder de forma incontestável.

Na segunda posição chegou o outro piloto da Barwn GP, Rubens Barrichello. O brasileiro realizou uma excelente largada pulando para o primeiro lugar e passou a andar sempre num rítimo muito forte. Parecia que a centésima vitória brasileira iria sair, mas Barrichello se perdeu na estratégia ao escolher fazer três paradas. Um segundo lugar amargo para Rubinho que dessa forma completou a dobradinha da escuderia predominante na Fórmula 1.

Mark Webber, da Red Bull, conquistou o terceiro lugar e completou a festa do pódio. O australiano esteve na quinta posição quase a corrida toda, mas após um segundo trecho longo onde andou forte, Webber fez sua parada e conseguiu voltar em terceiro. Pódio merecido para o piloto da RBR.

Talvez a grande surpresa, por não figurar entre o três primeiros, foi o jovem Sebastien Vettel. O alemão não fez uma boa largada e caiu para quarto, permanecendo ali o tempo todo. Vettel, em momento algum, conseguiu imprimir um bom rítimo, estando sempre atrás da Ferrari de Felipe Massa. No final, o quarto lugar acabou sendo um bom resultado para o piloto da RBR.

O piloto da casa, Fernando Alonso, conquistou um ótimo quinto lugar. Limitado por seu equipamento, o espanhol não poderia fazer nada além disso. Na última volta, Alonso ainda foi presenteado com esta posição após o problema de Massa. Festa da torcida espanhola mesmo sem Fernando estar no pódio.

Em mais uma cagada montruosa da Ferrari, o piloto Felipe Massa se arrastou para conseguir chegar na sexta posição. Massa largou muito bem e permaneceu em terceiro durante boa parte da prova, mas perdeu o lugar para Webber na parada no boxe. Quando parecia que o quarto lugar estava garantido veio o comunicado pelo rádio. Felipe não poderia manter o rítimo, pois não teria combustível suficiente para terminar a corrida. Diante disso o brasileiro precisou tirar o pé e perdeu posições. Erro de cálculo da escuderia atrapalhda que já havia errado com Raikkonen na classificação. O balanço possitivo para o brasileiro que marcou seus primeiros pontos na temporada, mas totalmente negativo para os italianos.

A BMW Sauber voltou a pontuar com Nick Heidfeld na sétima colocação e Nico Rosberg, da Williams, fechou os oito primeiros colocados do GP da Espanha.

Jenson Button lidera com folga o campeonato de pilotos, seguido por seu companheiro de equipe Rubens Barrichello. Se a Brawn GP continuar nesta tocada, Button irá faturar com facilidade o título da temporada. A próxima prova é o tradicional GP de Mônaco daqui a duas semanas, vamos ver quem reinará nas ruas do principado.

Leandro Montianele

10 comentários:

Felipão disse...

Pela performance, também acredito nesse título da Brawn,Leandro...

Marcelonso disse...

Leandro

O plano B da Brawn era o seguinte,caso o Burrinho passasse na largada,iriam para duas paradas.

E a cara dele na coletiva,quando falou que não imaginava que Button fosse para 2 paradas.

abraço

Ron Groo disse...

Foi normal.
O piloto em melhor condição no campeonato foi recolocado na primeira posição da corrida.
Vai dar mole pro azar?
E se um Vettel da vida sai ganhando tudo e detona a vantagem?
E o 1B?
O 1B que se dane!

Willian Freitas disse...

Button guardou o Barrichello de novo. Foi mais esperto e ganhou.

A Ferrari me decepciona cada dia mais. Quebras, erros tolos,...
Difícil.

Pra mim já era. Dá Button.

Net Esportes disse...

Eu acredito que não haja esse negócio de "escolheu duas paradas" e tal .... é a equipe que decide isso, a equipe que optou por fazer três paradas para o Rubinho e manter suas do Button, não o contrário como foi dito pelo Galvão no caso ..... em geral o pessoal gosta de seguir pondo a culpa no Barrichello que tava mal mesmo, mas hoje eu acredito que ele tenha sido o melhor da corrida ao lado do Mark Webber, só que prejudicado pela estratégia que foi na minha opinião feita para favorecer o Button.

Bruno Santos disse...

O primeiro piloto está bem definido. Não tem como negar. O Barrichello fez uma boa prova, a tática que foi estranha. Se as três paradas era para diminuir o desgastes dos pneus moles, vem o Button e me faz uma perna de 30 voltas?
Sem falar que foi a equipe que decidiu por duas paradas. Precisa dizer mais alguma coisa? Entrega logo o caneco para o inglês. O carro da Brawn seguirá imbatível. É muito melhor que os outros.

(Anotaram a placa da locomotiva azul? Cadê o campeão carioca? Aquele abraço...hehehe)

Anselmo Coyote disse...

Kkkkkkk!!!
Por quê as mocinhas de azul não reclamaram da arbitragem hoje? Porque ela foi bem ao estilo do campeonato mineiro, né? Eu sei. Um lance fora da área que nem foi falta, uma bichinha azul pula para dentro da área e aquele crioulo comedor de alfafa (se fosse ruivo eu diria ruivo, louro, diria louro, sarará... idem) apita penalty! Quem não assistiu ao jogo é só rever o lance para não falar bobagem... É cada uma que me aparece!

Mas Flamenguista é penta-tri e penta nacional. Obviamente não vai ficar inventando desculpas esfarrapadas ou reclamação besta de arbitragem. Mas assiste aos jogos e analisa por inteiro e fim de papo.

O Flamengo dominou o jogo todo, manteve 67% da posse de bola, e mesmo com toda a retranca da pederastia azul, perdeu. Por quê?

1. Não soube aproveitar as oportunidades, inclusive o penalty a seu favor.
2. O técnico é um Domenicalli qualquer, um fdp que deixa o Erick Flores no banco e quando o coloca o faz para jogar no ataque, fora de sua posição de armador.
3. Josiel, Everton e Emerson não jogadores. São malas, piadas de mal gosto.
4. o Bruno (ótimo goleiro), hoje, deu azar e engoliu um frango.

Se tivesse perdido de 2 x 1 teria sido justo com o Flamengo e com as mocinhas de azul.

Só isso.

PS.: Só falo quando assisto o jogo.

Bruno Santos disse...

Ixi Alselmo. Eu me lembro bem que a cabine carioca da Globo concordou que foi penalty. Era só você parar de prestar atenção nas pernas e olhar que o zagueiro puxa o Wagner pela camisa, dentro da área. O juiz foi normal, não protagonizou nenhuma cena polêmica, apesar dos dois penais no jogo.
No mais...
O Flamengo abusou de perder gols e mereceu a derrota, por isso não tem onde se desculpar mesmo. Futebol é eficiência.
Aquele Abraço.
Ótima semana a todos.

(Calma pessoal, o Mengão tá evoluindo, o Junior - comentarista - declarou que aquele foi o melhor jogo do flamengo na temporada...Nilmar vem aí...)

Anselmo Coyote disse...

Leandro, desculpe-me desvirtuar o post, mas será a última vez.

Bruno

O seu time foi mais eficiente e por isso ganhou. Não há discussão.

Eu "vejo" o jogo, coisa que a cabine da Globo não faz.

O penalty foi inventado.

Veja o vídeo abaixo:

No tempo 0:04, a Rainha de Sabah está "parada" no grande círculo, doida para "rodar a baiana" e "aparecer" para as câmeras.

No tempo 0:09 o seu jogador estava fora da área se atirando pra dentro. Foi a deixa que aquela "coisa" queria.

O pessoal da Globo precisa "ver" o jogo.

Abs.


http://www.youtube.com/watch?v=YNovELO6uFc

Leandro Montianele disse...

Bruno, não discuto que o Cruzeiro mereceu a vitória, pois foi mais eficiente que o Flamengo. O Rubro-Negro abusou de perder gols, isso é fato.

Mas esse penalti aí foi mandraque pra caramba. Concordo com o Anselmo, ele estava fora da área e caiu dentro. Mesmo quando o Vagner é puxado, seus dois pés estão para fora e não em cima da linha como disse nosso ilustre comentarista da rede Globo. No video se pode perceber claramente isso.

Não estou chorando pela derrota, pois isso é coisa do Botafogo...rsrs. Mas isso não foi penalidade mesmo.

O brasileirão é longo, ainda temos 37 rodadas e muita coisa pode acontecer. Tem o jogo da volta no Maraca, Brunão! hehehehe

Abração!!!

Leandro Montianele