quarta-feira, 27 de maio de 2009

Será que alguém vai parar a Brawn?


Uma verdadeira novela em relação a falida equipe Honda tomou conta da Fórmula 1 no início da temporada. Depois de muita especulação em torno do caso, eis que surgiu a Brawn GP, escuderia do chefe Ross Brawn. Nos testes, pouco antes do início da temporada, seus carros estiveram sempre nas primeiras posições, mas ainda assim todos estavam desconfiados. Diziam que era apenas para atrair patrocínio.

Chegou o dia da primeira corrida do campeonato, o Grande Prêmio da Austrália, e a Brawn dominou por completo, com direito a dobradinha. Após este triunfo, começaram a dizer que em breve perderiam o fôlego, mas até agora nada aconteceu. Já se passaram seis provas e eles continuam imbatíveis. O piloto que tem brilhado é Jenson Button, vencedor de cinco corridas.

A pergunta que muitos gostariam que houvesse uma resposta é: Quem irá para a Brawn GP? No atual cenário da categoria é difícil enxergar alguma equipe que possa fazer frente a escuderia de Ross Brawn. A Ferrari chegou a esboçar uma reação, mas ainda não me convence. Os ingleses da McLaren continuam lutando para melhorar. Já a Red Bull, que poderia tentar algo, tem perdido terreno.

Se a "regrinha tosca" (quem vencer mais leva o título) tivesse sido implantada nesta temporada, Jenson Button já era praticamente campeão. Este, pode acabar se tornando um campeonato chato, com o predomínio total de uma equipe e um piloto. A briga mesmo será pelo vice-campeonato, sendo Barrichello o grande favorito. Depois de duas temporadas com decisões emocionantes, na última corrida, poderemos ter o retorno da monotonia, infelizmente.

Alguém aí pode parar Brawn e sua turma, por favor?










Leandro Montianele

16 comentários:

Uelton Gomes disse...

Acho que ninguém para mais a Brawn, a equipe está muito equilibrada.

Abraços

Marcos Antônio Filho disse...

em breve vamos dizer:Nós aguentamos mais você, Ross Brawn...A turma do Brawn tá f...

Felipão disse...

Não sei não, leandro, mas a temporada tem tudo pra ser chata mesmo, como vc disse, com o dominio só da Brawn. Acho que a briga do pessoal é por pódios e depois vitórias. Aliás, qdo começarem a vencer, sera tarde...

F-1 A.L.C. disse...

só tem um jeito de parar a Brawn: robar os pneus domingo pela manhâ

Anselmo Coyote disse...

Acho que a melhora da Ferrari seria aferida em Mônaco numa briga aberta do Kimi com o Button. Mas o Rubinho segurou o Kimi e o Button deslanchou, ficando abortada a disputa.
Mesmo emparelhada com a Brawn, a Ferrari dividiria as vitórias entre seus pilotos, para o bem do Button.
Está muito difícil.
Mas a Ferrari tem Kimi Raikkonen e isso faz muita diferença (desde que ele não durma como em 2008).
Abs.

Marcelonso disse...

Leandro,

A ultima cartada será em Istambul,vencendo lá (leia-se Button)já era.

O negocio bom seria esse ingles levar uns 100 kg de chumbo,ae quem sabe!!!!

abraço

Paulo Maeda™ disse...

eu tb acho q ninguem segura a Brawn neste ano. Acho mto dificil a Ferrari se recuperar a tempo e a Mclata conseguir algo com um Hamilton que não sabe desenvolver um carro.

Jobson disse...

É culpa da falta de testes, como as outras equipes poderão evoluir, se todas estão proibidas de fazer testes coletivos ou privados!
Isso de certa forma era esperado, a surpresa é que foi a Brawn domina e não uma Ferrari ou McLaren no topo.

Ron Groo disse...

Não precisa... Este ano a história foi escrita, falaremos nisto durante anos e anos...
Que ano que vem as coisas fiquem mais equilibradas.

Estevis disse...

É pelo visto a Brawn tem tudo pra ser a equipe do ano
No momento é o carro a ser batido
Mais acredito q até o fim do ano alguma equipe chega
Eu espero q finalmente nesse ano dois brasileiros possam vencer
O q não acontece desde 1991. Será q é agora??? Tomara
Ei gostei do seu blog
Q tal parceria...
Entra no meu blog e deixe um comentári ocom a resposta:
http://omelhordaformula1.blogspot.com/

Anna Flávia disse...

Acho difícil... E a única coisa que vejo de positivo é o Massa engolindo a própria arrogância.


Beijo

Anselmo Coyote disse...

Paulo Maeda,

Numa boa, vou discordar de você.
Piloto nenhum desenvolve carro.

Isso é coisa para o corpo técnico (projetistas, engenheiros, mecânicos etc.).

O máximo que eles fazem, depois do carro pronto, é pedir pequenos ajustes que favoreçam suas formas de pilotar e atendam às características de cada pista.

Cabe aos técnicos atender esses pedidos na medida do que o projeto permitir, ou mesmo alterar o projeto.

Claro que tudo isso tem que ser conformidade com a disponibilidade do caixa.

É só uma opinião. :D

Diego Maulana disse...

Esse ano já acabou. Jenson Button será o campeão o Rubinho o vice e ponto. A BGP está a um passo na frente de todas as outras equipes.

Anônimo disse...

中醫減重
中醫減重
中醫減重
中醫減重
中醫減重
花蓮民宿
花蓮民宿
花蓮民宿
花蓮民宿
花蓮民宿
花蓮民宿

Estevis disse...

Como já disse: Button e Brawn GP são os nomes do ano. Pelo visto Barrichello pose ser novamente coadjuvante do ano, enquanto isso as outras equipes e os outros pilotos estão perdidos tentando chegar, aos poucos uns se aproximam e outros se distanciam. Não acredito que uma equipe irá alcançar ou superar a Brawn e se algum piloto chegar a ameaçar o Button este deve ser Barrichello, mas também acho isso meio improvável. Seria uma virada e tanto. Obirgado por aceitar a parceria seu blog ta show

Priscilla Bar disse...

Parar acho que ninguém para, mas espero que pelo menos dêem um pouco de trabalho pra eles.